quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Violência policial não é exclusividade do Brasil


Pouca gente sabe, mas a policia francesa é uma das mais violentas do ocidente. Conheço uma menina teve o piercing na sombrancelha arrancado à base de porrada da policia durante uma manifestação de estudantes em Toulouse, no sul da França. Vira e mexe tem um escândalo onde alguém filmou policiais fazendo merda. Um dos ultimos, mais tranquilo, foi durante uma passeata de estudantes em Strasbourg, onde não teve nenhum confronto. Dai alguém filmou uns policiais que estavam meio de longe, em cima de uma colina e jogando pedra nos estudantes la em baixo! Assim, do nada. Deviam estar meio entediados, sei la, dai resolveram tacar pedra nos outros, simples assim. Ta aqui o video.

Pra ver como a coisa é séria, em abril desse ano a Anistia Internacional condenou a policia francesa por maus-tratos, racismo, uso excessivo da força, além de protestar contra a impunidade para quem comete esses atos. A organização que luta pelos direitos humanos publicou um relatorio de 50 paginas cujo titulo é "França, policia acima da lei?" (em francês).

Eh nesse contexto de terror que o nosso querido Petit Nicolas diz assim: "Policiais da França, vocês podem contar com meu total apoio". Hã? Ele diz que a segurança nacional é a prioridade absoluta no seu governo e que eficiência se mede com resultados. Dai explica a diminuição 'sem-pre-ce-den-tes' da delinquência e felicita o aumento do uso de câmeras de vigilância. So que o Observatorio Nacional de Delinquência afirma que a violência so aumentou desde o inicio do ano.

Quando era ministro do interior, na época que teve aquele caos nos suburbios da França e ele chamou os imigrantes de escoria, lembram?, ele foi acusado de incitar a violência policial. Parece que a coisa não evoluiu desde la, pelo contrario.

11 comentários:

luci disse...

aqui em lyon é assim: tem mais policiais que habitantes comuns. é impressionante! eles tão em todos os lugares! a gente tah dando uma voltinha pelo parque e, de repente, la vem os carros silenciosos da policia passando pra ver se tudo esta na mais perfeita ordem.

camilo detesta! depois que ele leu 1984, ficou noiado com a questão de câmeras espalhadas pelas ruas. hehehe ele detesta policial. eu digo que não me importo porque, quando se sai de um lugar onde se mata, se estupra e se assalta à luz do dia (joão pessoa), na maior tranquilidade, é dificil ignorar aquela sensação de segurança que a presença da policia traz. mas a sensação é falsa: a presença da policia aqui é intimidadora. eles te olham se achando OS caras. e você, seu lixo estrangeiro, cuidado. isso é foda.

Mariana disse...

cara amanda, gosto muito do seu blog viu??? Ando sempre aqui mas nem sempre comento... Sobre a policia, francesa, brasileira ou qualquer que seja eu penso o seguinte: eles la, eu aqui. Cada um na sua. Eles são intimidantes mesmo, pois a lei e a função que eles exercem permitem e encorajam essa postura do constante e iminente abuso da violência... Ja apanhei de policia em manifestações, alias bem mais que uma vez... o pior não é apanhar em si, e sim saber que a sociedade endossa a atitude violenta da policia contra manifestantes de qualquer tipo, como se passeata fosse crime.
Tenho imagens registradas ( na memoria e no computador) horriveis desses momentos...
e aqui ainda tem esse fator agravante se ser estrangeira...
como eu disse: eles la, eu aqui.
ps: o petit Sarko é o fim do fim!
bjus pra vc!

Helena disse...

Oi Amanda. Muito bom post, eu tenho um certo medo da polícia francesa. Que nem disse a Mariana: eles lá, eu aqui.

Leonardo disse...

Nada como a polícia do interior do Brasil. Aqueles carinhas divertidos com quem você conversa enquanto toma um cafezinho no banco. Mas, claro, eles só são divertidos se você for amigo deles. Do contrário, acho melhor andar na linha! Porque da mesma maneira que os policiais da França, agressão moral e física são suas especialidades.

Bel Butcher disse...

Polícia é igual em qualquer canto do mundo. João Pessoa, Rio, Londres (lembram do Jean Charles?), Paris... Difícil ter uma menos abusiva e abusada.

Mas, o que eu acho mais curioso (desculpa, mas, engraçado até) é que, estamos no país do "droit de l'homme" como eles (principalmente os políticos, como sarkôco!) AMAM dizer isso a cada meia frase que falam.

asnalfa disse...

Sarkô ta certo! Tem mais é que expulsar esses africanos, arabes e latino-americanos da França. Esses destruidores de cultura, roubadores de emprego...

XMaritoX disse...

Bom, pelo menos por aí eles jogam pedra e batem...aqui dão tiro de arma fria pra cima de protestos...hahahah polícia, os cachorros da elite!Em qualquer país, né? Não consigo entender como o fascismo venceu na França...aqui no Brasil a gente entende porque existem varios como o Asnalfa, fascistoides...não aceita, mas entende...

Amanda disse...

Marito, aqui eles usam sim balas de borrachas e até aquela pistola elétrica. Inclusive cegaram dessa forma um adolescente ha bem pouco tempo.

MM disse...

Oi, Amanda, eu li seu comentário sobre finanças no blog da Lola e até onde eu aprendi é o seguinte: os rendimentos no Brasil estão muito bons... então, o negócio, mesmo na França, é abrir uma conta em um banco de investimentos e investir em fundos de paises emergentes, ou seja, o Brasil. Boa sorte!

Aline Mariane disse...

Esse post me fez comparar o Sarko ao Serra, em SP, onde a PM resolveu até invadir a USP e bater nos estudantes e professores sem motivo aparente.
Existe relaçao entre violência da policia e governos conservadores? Talvez a pergunta seja tonta, mas so agora me ocorreu...

Amanda disse...

Obrigada MM! Não consegui entrar nos seus blogs pra agradecer, então faço aqui mesmo. Não entendo nada de finanças, mas é uma boa ideia mesmo isso o que vc falou. Vou tentar fazer! Valeu!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...