segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Mulheres não são pessoas, são pessoas de saias

O site de informações francês Rue89 publicou uma reportagem muito interessante sobre como os sinais indicativos dos banheiros femininos e masculinos denunciam todo o machismo da nossa sociedade. Vou tentar reescrever aqui as principais ideias do texto, ja que a maior parte dos leitores do blog não fala francês. De qualquer forma vale ir no site para ver todas as fotos.

A matéria separa as plaquinhas em diferentes categorias. A primeira categoria é talvez a mais popular, quando identificam o homem como o universal e a mulher como apenas uma variante sua. São aqueles classicos sinais que representam o homem como uma pessoa e a mulher como uma pessoa, de saia.



No Irã, as mulheres são pessoas com véus:


As vezes, os homens são pessoas e as mulheres são pessoas com cintura:


Por fim, uma placa que conclui descaradamente o que esse modelo pensa das mulheres: os homens são pessoas e as mulheres não são homens, então elas não podem ser consideradas exatamente "pessoas", né? Mas porque querer ser uma pessoa quando se pode ser uma flor tão bela e delicada?


Uma outra categoria é quando mulher e homem são diferenciados pelas suas atitudes desejadas. As poses esperadas de cada um, o comportamento distinto que um homem e uma mulher devem ter:


Os homens sempre viris e dominantes e as mulheres sempre doces, reservadas e submissas. Acho essa ultima placa muito reveladora: a mocinha de olhos fechados, cabeça baixa, sem boca e o garotão de tatuagem, exibindo os musculos, com um sorrisão na cara.

Existe também a categoria que afirma que homens têm pintos e mulheres têm peitos. Os seios femininos muitas vezes são considerados o equivalente feminino do pênis.


Até tem alguns banheiros que fazem a diferenciação entre penis e vagina, mas são raros.

A placa seguinte reune varios modelos que ja vimos:


Ela mostra o homem como universal e a mulher como sua variação de saia e batom. Também tem a distinção anatomica de um penizinho e uma vagininha. E ainda contém uma expressão de gênero: no balãozinho feminino esta escrito "shopping" e no masculino "football".

Algumas placas reafirmam os preconceitos de comportamento sexual que a sociedade tenta impôr. O heterossexual masculino é considerado como predador, ao ponto que as pessoas reconheçam a situação representada e achem graça na brincadeira.


Essa representação serve como desculpa para os homens efetivamente predadores e serve até como um incentivo para aqueles que não são.

A separação de banheiros por gênero presume que os usuarios são todos heterossexuais e que os homens são agressores pontenciais, enquanto as mulheres são seres passivos e vulneraveis. Além, é claro, de exluir os transexuais, travestis e afins.

7 comentários:

Patrick disse...

Uma retificação: no Irã, as mulheres usam véu, não burca. No mais, parabéns pelo post!

Aline Mariane disse...

vi sua indicação no FB, que bom que trouxe pra cá!! Viu o original, em inglês?! Acho que o rue89 indica. Lá tem mais "pano pra manga" essa discussão do seu último parágrafo.

Não sei, nesse momento me sinto uma quadradona em dizer isso, mas: eu prefiro banheiros separados em locais públicos. Minha pouca experiência limpando banheiros e num escritório que, enquanto era pequeno dava pra compartilhar e depois que passou de 40 pessoas teve que separar, criaram um desses estereótipos difíceis de largar: homem faz muita sujeira!!

Ah, você não colocou o único que eu conhecia ao vivo: o da Applebee em SP! Confesso que não sabia que vermelho era mulher... achava que a gente podia entrar em qualquer um!

(hmpf, configuração de comentários diferente, vou ter que usar minha conta do Google... =o/ muitos spams?!)

Bjss!

Amanda disse...

Valeu Patrick, vou mudar!

Aline, mudei a configuração dos comentarios sim, tava tendo muito spam, um saco! Mas fica mt chato pra comentar agora?

Então, não vi o original em inglês! Alias, nem sabia que tinha original inglês! Fica mais facil pro pessoal que não fala francês acompanhar o assunto. Olha, eu tbm acho que prefiro banheiros separados, mas sera que isso não é pq a gente sempre viveu num mundo de banheiros publicos separados? Eh so dar mais educacao aos homens, quando eles passarem a limpar banheiro em casa com certeza serão mais cuidadosos. Agora, banheiro publico bom são os da frança, que são completamente fechados, não aqueles vasos separados com uma muretinha de plastico!

primeirocego disse...

Oi, Amanda!

O original desse texto é de uma blogueira canadense e está em inglês, aqui o link: http://bit.ly/cmWiCa
Eu tinha lido como guest post no Sociological Images (se não conhece o blog, recomendo).
Tem muita gente que prefere mesmo banheiros separados por gênero, e até entendo, mas sou contra extamanete pela forma como isso exclui travestis e pessoas transgênero.

Glória Maria Vieira disse...

Nunca tinha parado pra observar esses detalhes, Manda.

Realmente, qnt machismo disfarçado, né?! E enganam bem, viu?! Se não fosse você dizendo agora, eu ia passar o resto da vida sem saber, a não ser que outra pessoa me falasse...

Rita disse...

E eis que nunca mais vou entrar em um banheiro público sem dar um segundo olhar às plaquinhas... ê vida, viu.

:-)

bj!
Rita

dinardo disse...

Eu acho essa comparação sujeita a diferentes interpretações. Esse argumento pesa um tanto quanto feminista radical demais e não machista. Sou Designer formado e analiso os pictogramas de uma forma bem cética. Inclusive já criei diversos deles. Eu acho que a mulher deve ser representada sim pelo seu lado feminino, pois diferente da brutalidade do homem a mulher consegue fazer tudo que o homem faz mesmo usando saia e sendo doce por natureza. Eu sou a favor da igualdade entre os seres e até seria a favor do banheiro único para ambos os sexos porém o homem em geral é ignorante e isso nunca daria certo. Vocês mulheres tinham que se orgulhar de usar saia e não disfarçar sua feminilidade com conceitos tão antigos quanto queimar sutiãs.

E pra fechar vou deixar minha opinião. Eu acho que a mulher é a evolução do homem, pois nunca foi um sexo frágil e faz o mesmo ou melhor que o homem tudo o que quiser.

Abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...