segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Gente da Australia - Isabel

Quando cheguei em Brisbane optei por ficar em um backpacker (hostel em australianês) até encontrar uma apartamento. O problema é que eu não conhecia muita gente na cidade e meus colegas do curso de inglês estavam todos hospedados em casa de familia. Então fui numa agência brasileira e a moça me disse que tinham três amigas brasileiras procurando uma quarta pessoa pra dividir um apê. Beleza, conheci duas das meninas, bem bacanas e tal, fechamos tudo na hora. No dia da mudança tinham umas coisas num canto da sala: malas, sacolas, tênis, espada, bola medieval com espinhos... Perai! Espada e bola medieval com espinhos? Como assim? Eu, chocada, peguntei de quem eram aquelas coisas e as meninas riram e responderam "é da Isabel, a outra menina que vai morar com a gente e que você ainda não conheceu. Ela deve estar chegando".

Nem deu tempo de pensar numa fuga rapida, era tarde demais, a Isabel ligou e disse que estava subindo. Imaginei que tipo de pessoa coleciona espadas e bolas de tortura medieval, com certeza alguém no minimo estranho, talvez um pouco mal-humorado, quem sabe até uma pessoa que passa as noites olhando seus roomates dormir e imaginando como usar seus brinquedinhos neles. Isabel abre a porta, Amanda espera pelo pior. Isabel é alta, forte e atlética. Atras dela, seu namorado australiano de dois metros de altura, uma parede. As meninas me apresentam os dois dizendo que são campeões de jiu-jitsu. Ja tô quase pedindo meu dinheiro do aluguel de volta, até que a Isabel abre um sorriso enorme e diz com a voz mais doce que alguém pode ter "Ei, é você a guria que vai morar com a gente? Que massa!". John, o namorado dela, também e super sorridente e gentil.

Ja não tinha a menor duvida de que a Isabel não era como as outras pessoas, mas no melhor sentido da frase. Ela é uma das pessoas mais livres que ja conheci. Parece que os problemas que atingem os seres humanos comuns não conseguem alcança-la. Ela esta sempre feliz, sempre sorridente, sempre de bom-humor, sempre disposta a aventuras. Acho que isso so atrai coisas positivas. Isabel é uma super esportista, fazia judô no Brasil e na Australia descobriu o jiu-jitsu. Gosta de estar ao ar-livre, de fazer trilhas, de andar de bicicleta, de organizar passeios e luaus, de explorar... e se tiver uma caverna escura e sombia no caminho, que festa!

Nos demos super bem os três meses que moramos juntas. Até em passeata contra a guerra do Iraque nos fomos. Depois, ja no Brasil, ela foi pro Rio participar do campeonato mundial de jiu-jitsu e ficou la em casa. E eu por minha vez passei uns dias na casa dela em Floripa. Conhecendo seus pais finalmente entendi porque a Isabel é tão livre. Conheci também o Thiago, um cara muito gente boa e com enorme talento (ou dedicação?) para a musica que agora é marido da Bel. Ver os dois juntos é não ter duvidas que se completam em suas diferenças. Eles também ja vieram aqui pra Paris - adivinha so: ela veio participar do campeonato europeu em Lisboa e deram uma passadinha na França. Ficaram aqui em casa e quando o cheri e eu tivemos que ir pro Brasil no meio da estadia deles, entregamos as chaves em suas mãos sem medo. E se la, naquele dia em Brisbane, se alguém me dissesse que confiaria toda a minha vida parisiense nas mãos da dona daquela bola de ferro espinhenta, eu não acreditaria.

4 comentários:

Rita disse...

E esse povo gente boa mora aqui, é? Apresenta aí, pô. :-) Sério: essa é uma das melhores coisas de se viajar por aí, o tanto de gente interessante que a gente conhece. Abre nossos olhos, escancara nossas cabeças, adoro. É uma das boas coisas que desejo para meus filhos, que tenham asas e voem muito, desbravem, conheçam, surpreendam-se.

Beijocas
Rita

Maia disse...

Fiquei curiosa para saber como eram os pais delas, já imaginei uns hippies, rss...

Amanda disse...

Rita, essa é minha parte preferida em viajar: encontrar pessoas! Pq normalmente estamos tão fechados em nosso mundinho que não damos espaço pra gente nova, mas quando viajamos não tem jeito!

Maia, são hippies não, hehehe! So são muito livres tbm. Super inteligentes e abertos. Ele é jornalista, ela é geografa e os dois viajam por ai documentando e fazendo livros.

isabel disse...

sensacional!!!!
nao lembrava como o teu blog era rico. e q descriçao essa, muuuuuuito show, divertida e veridica, hahaha.
ainda tenho um machado medieval e os punhais, rsss. a espada ficou na aus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...